quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Mais de 1000 razões para ser feliz #10

umbrella and rain image

Aproveitar os dias de S. Martinho com este sol maravilhoso que nos permite deixar o amigo chapéu de chuva em casa a descansar.
Dias de sol e alguns melhores do que de primavera têm sido bons, mas também vai fazer parte quando o frio voltar e com ele os casacos.

P.s.: O fim de semana está quase a chegar! (: Aproveitem-no bem.

Love, S.

terça-feira, 10 de novembro de 2015

Que tristeza

girl, glasses, and grunge image

Tentar manter o foco e cumprir tudo o que já tenho de fazer, e ainda ter tempo para algo que gosto tem-se revelado difícil. Não largo o computador e não é por não o ter que não venho aqui, é por ter antes demasiado a fazer. 
Quero tanto ler os vossos blogues e continuar a acompanhar-vos nos vossos desabafos ou histórias que encantam. E também quero tanto escrever para que me possam ler e dar um outro sentido às minhas palavras, e não deixá-las simplesmente num papel amachucado e a ganhar pó.
Quero tanto e o tempo é tão pouco, mas sinceramente não pediria dias com mais tempo porque se já tenho dormido pouco então suspeito que ainda ia dormir menos, ia sempre arranjar mais alguma coisa a fazer. 
Como têm sido os vossos dias? E como estão os vossos cantinhos? 
Perguntas às quais posso responder com facilidade se tiver tempo de ir visitar os vossos blogues... Que chatice! É que sinto-me realmente aborrecida por não poder dedicar o mesmo tempo de antes...
E sei que muitas pessoas podem já nem ler as palavras que deposito neste meu cantinho, porque a presença é cada vez menor e não censuro ninguém. Mas é triste à mesma.

Love, S.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Felicidade em mim

love, couple, and hug image
E de todos os bons motivos no mundo para sorrir, o melhor és tu. Tu e o teu jeito de me plantar um sorriso no rosto que não morre nem com o inverno que se avizinha. Conheci-te com a sensação de que já nos completávamos há anos, que fazias parte de mim há muito e que eu não te queria por pouco tempo como companhia. Nem somente como amigo, apesar de seres o meu melhor amigo. 
Estás presente sempre sem que eu peça a tua presença, porque sabes o que isso significa para mim. As horas voam e os minutos? Bem esses desaparecem! Mas cada segundo a teu lado preenche o meu pequeno coração que te ama imenso. 
As palavras que a ti dedico parecem sempre insuficientes quando relembro até aquilo que alguns podem denominar de um "simples" beijo. Para mim de simples não tem nada. Não porque exija esforço, mas porque se com o toque dos teus lábios nos meus eu sinto uma felicidade inexplicável, e que tudo está bem mesmo nos piores dias, então isso é um processo complexo mas sem esforço algum.
Agradeço-te tudo, mas ao mesmo tempo sei que não preciso de o fazer. Tal como tu não precisas de o fazer comigo. 

Amo amar-te e amo que me ames. 

Love, S.